27 de julho de 2021

ConexãoMT

As notícias se encontram aqui!

Ponte Branca completa 67 anos nesta terça-feira (28); Governo de MT investe em obra de infraestrutura

.

Ponte Branca, no sudeste mato-grossense, comemora nesta terça-feira (28.07) seu 67º aniversário com uma boa notícia. O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística, anunciou neste mês de julho a retomada do projeto de pavimentação do trecho de 93,67 quilômetros ligando o município a Alto Araguaia. Uma obra que os ponte-branquenses aguardam desde 2013, quando foi paralisada.
O projeto para pavimentação desse trecho já está em fase de conclusão do termo de referência, para posterior licitação. “Esse último trecho da MT-100 está em fase final para lançarmos o edital para licitação. Uma obra que está paralisada desde 2013 e que vamos retomar graças ao esforço do Governo do Estado para valorizar toda a região do Araguaia”, afirmou o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira.
Mesmo com a segunda menor população do Estado (1.576 habitantes em 2019, segundo estimativa do IBGE), e com a administração pública respondendo pela metade de seu Produto Interno Bruto (PIB), Ponte Branca tem sempre a atenção do Governo do Estado.
Em 2020, até maio, o governo estadual repassou R$ 1,286 milhão ao município, entre ICMS, IPVA e Fethab, além de R$ 814 mil, entre 2019 e 2020, em assistência social, transporte escolar e para o setor de saúde.
Um dos vários municípios banhados pelo Rio Araguaia em seus 2.115 quilômetros de extensão, Ponte Branca cultiva, em seu território de 686 km2, segundo dados do IBGE de 2018, um pouco de cana de açúcar (800 toneladas), mandioca (400 toneladas) e soja (500 toneladas).
Conta com um rebanho de 24.879 cabeças de gado bovino, das quais 2.751 vacas ordenhadas, responsáveis por uma produção de 2,5 milhões de litros de leite (67º no ranking estadual), avaliados em R$ 2,39 milhões. De acordo com o Observatório do Desenvolvimento da Sedec, o município conta com um laticínio.
O PIB total do município, de R$ 22,75 milhões, (em 2017, conforme divulgado pelo IBGE), é composto por R$ 11,36 milhões da administração pública, R$ 5,45 milhões do setor de serviços, R$ 3,4 milhões da agropecuária e R$ 867 mil do setor industrial. O PIB per capita é de R$ 14.586,30.  
Origem
Um dos oito municípios mato-grossenses criados (ou emancipados) no ano de 1953, a origem de Ponte Branca remonta a 1905, quando se estabeleceu uma fazenda de gado na região. Em 1907, com a chegada de um novo contingente de pessoas, recebeu o nome de Alcantilado do Araguaya.
Em 1935, um mineiro de Ituiutaba, migrante a procura de diamantes, também recebeu a incumbência do interventor goiano de construir uma ponte sobre o rio Araguaia, para facilitar o trânsito entre os dois estados.
A ponte foi levantada, mas destruída por enchente antes da entrega oficial. Foi então construída uma ponte provisória, com um tipo de madeira branca, que permitia a passagem somente numa determinada época do ano. Daí o nome Ponte Branca.
Outra versão afirma que, na verdade, a ponte teria recebido uma caiação (pintura em cal). 

Fonte: GOV MT

#infocoweb_cabecalho {
display: inline-block;
margin-top: -75px;
position: absolute;
right: 0;
}

#infocoweb_corpo div {
margin-bottom: 10px;
text-align: justify;
}O post Ponte Branca completa 67 anos nesta terça-feira (28); Governo de MT investe em obra de infraestrutura apareceu primeiro em O Atual.