18 de setembro de 2021

ConexãoMT

As notícias se encontram aqui!

Segunda dose de vacina de Oxford em voluntários é aprovada por Anvisa

MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
Vacina poderá ser aplicada em pessoas de até 69 anos

A segunda dose da vacina de Oxford poderá ser aplicada em voluntários. A aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) saiu nesta segunda-feira (10). Esta segunda dose serve como uma reforço da  imunização da primeira dose.

Leia também
Quando a pandemia da Covid-19 vai terminar?
Falta de agulha para aplicar vacina da Covid-19 pode ser problema no Brasil
“Curva está achatada, mas ainda não está diminuindo”, diz OMS sobre o Brasil

A autorização foi publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União (DOU), em que consta a informação de que a segunda dose deve ser aplicada de 4 a 6 semanas após o recebimento da primeira.
A oscilação deste prazo pode se dar devido à comunicação com o voluntário, para que seja possível mobilização para o recebimento da segunda dose da vacina.
Quem não recebeu a primeira dose deve cumprir um intervalo de 4 semanas para seguir à segunda.
Além disso, o texto aprova também que pessoas de até 69 recebam as doses da vacina de Oxford. Antes, o teto da idade era de 55. Isso é visto com um bom sinal, já que a população mais velha não sofreu de efeitos adversos severos e poderá avançar para outro grupo, considerado de maior risco ainda.

Fonte: IG SAÚDE

#infocoweb_cabecalho {
display: inline-block;
margin-top: -75px;
position: absolute;
right: 0;
}

#infocoweb_corpo div {
margin-bottom: 10px;
text-align: justify;
}O post Segunda dose de vacina de Oxford em voluntários é aprovada por Anvisa apareceu primeiro em O Atual.