25 de setembro de 2021

ConexãoMT

As notícias se encontram aqui!

No 1º semestre, lives promovidas pelo Tribunal de Contas superam 17 mil visualizações

.

Efetividade, economicidade e praticidade. Em quatro meses, as oito lives promovidas pela Escola Superior de Contas do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT), com o intuito de informar, orientar e capacitar gestores e a sociedade como um todo para o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), atingiram a marca de mais de 17 mil visualizações, entre YouTube e Facebook, de pessoas de todos os municípios mato-grossenses, bem como de outros estados.
De acordo com o supervisor da Escola Superior de Contas, conselheiro Luiz Henrique Lima, orientar, esclarecer, apresentar boas práticas e mostrar o caminho correto é dever do Tribunal de Contas e, com a pandemia da Covid-19, foi necessário se adaptar, pois informar e capacitar se tornou ainda mais relevante.
“Somos um órgão que existe para trabalhar para o cidadão e o interesse do cidadão é que a gestão pública tenha bons resultados na execução de políticas públicas. O TCE, como órgão de fiscalização e controle, tem que orientar o gestor para fazer as coisas, não apenas dentro da legalidade, mas principalmente perseguindo a eficiência, os bons resultados. Fomos surpreendidos por essa pandemia, houve mudanças significativas na legislação, essas novas normas também pegaram os gestores de surpresa e a Escola passou a buscar um caminho para atender essa necessidade e estamos tendo bastante sucesso”, explicou o conselheiro.

Luiz Henrique Lima ressaltou ainda que o método de capacitação virtual deve permanecer no pós-pandemia. “As pessoas estão gostando muito da praticidade. Se fossemos fazer um evento semelhante de forma presencial, o custo seria muito grande, pessoas teriam que se deslocar para Cuiabá, passar um ou dois dias em função do evento, não teríamos como abrigar mais do que 300 pessoas no nosso auditório. Utilizando essas ferramentas de tecnologia da informação, conseguimos ampliar muito nosso alcance e de uma forma prática. Sem dúvida alguma, mesmo quando retomarmos às atividades presenciais, essas iniciativas devem permanecer”.
No primeiro semestre deste ano, a Escola Superior de Contas promoveu oito lives com os mais variados temas e que contaram com a participação de autoridades e especialistas em áreas como saúde pública, educação, controle interno, transparência e controle social. “As pessoas precisam de informação e nós procuramos envolver todos os segmentos nesse debate, para produzir conhecimento, trazer esclarecimentos e orientação no enfretamento desse momento tão singular”.
Além das lives, a Escola também realizou cursos na modalidade Ensino à Distância (EaD), tais como o Curso de Extensão – Cidadania e Controle Social e o Geo-Obras. “Com as circunstâncias provocadas pela emergência de saúde pública, as pessoas se sentiram mais motivadas ainda na participação do ensino à distância, a necessidade calhou com a oportunidade que é a oferta desses cursos”.
Por fim, o supervisor fez questão de ressaltar que todo esse trabalho é uma soma de esforços de inúmeras áreas do Tribunal de Contas. “A Escola de Contas não trabalha sozinha, ela é a exteriorização do tribunal nessa atividade especializada, mas por trás, o tribunal como um todo está trabalhando, é um trabalho coletivo, um jogo de equipe e os resultados estão sendo muito satisfatórios”.
Os vídeos de todas as lives estão disponíveis no canal do TCE Mato Grosso no YouTube (Clique aqui).
Gabriela GalvãoSecretaria de Comunicação/TCE-MTE-mail: imprensa@tce.mt.gov.br

Fonte: TCE MT

#infocoweb_cabecalho {
display: inline-block;
margin-top: -75px;
position: absolute;
right: 0;
}

#infocoweb_corpo div {
margin-bottom: 10px;
text-align: justify;
}O post No 1º semestre, lives promovidas pelo Tribunal de Contas superam 17 mil visualizações apareceu primeiro em O Atual.