21 de outubro de 2021

ConexãoMT

As notícias se encontram aqui!

“Que minha dor sirva de alerta”, diz Tati Minerato após infecção por plástica

A modelo Tati Minerato passou por um susto após  ter uma infecção e problemas de cicatrização ao fazer uma cirurgia plástica para trocar os silicones dos seios. Após sentir muito medo e muita dor, ela conta que passou a enxergar a vaidade de forma diferente e, agora, acredita que é melhor trabalhar o amor próprio a tentar fazer loucuras para mudar o corpo.

Reprodução
Antes e depois da cirurgia de Tati Minerato

“Aprendi muito. Que Deus me use de instrumento para que toda a minha dor, sofrimento e exposição sirva de alerta para que outras mulheres não sofram o que eu sofri. Que antes da busca pela beleza externa, a gente possa enxergar a nossa real beleza, a nossa essência e amor próprio. Porque o que temos de diferente é o que temos de mais bonito”, afirmou Tati Minerato, em entrevista à Quem.
Além de trocar o silicone, a modelo também fez uma lipoaspiração por ter engordado 4 kg. Devido a infecção e a dificuldade de cicatrização que teve em decorrência dos procedimentos, ela precisou ficar internada.

Leia também
Após complicações na lipoaspiração, Tati Minerato perde vaga na “A Fazenda”
Quais as 9 cirurgias plásticas mais feitas no Brasil e seus riscos e indicações

“Eu troquei as próteses de silicone de 500 ml para 650ml e aproveitei para fazer uma microlipo nas costas. Depois de alguns dias da cirurgia, os pontos se abriram e começou um processo inflamatório. Imediatamente, corri no consultório para suturar o corte e comecei um ciclo de medicação oral que não adiantou. Tive muita dor e febre de 39 graus por isso minha mãe correu comigo para o pronto socorro.”
A internação fez Tati repensar na vida e ela confessa que temeu a morte. “Chorei muito. Rezei todos os dias! Me senti muito culpada por ter me colocado nessa situação, porque quis fazer a cirurgia. Mas não esperava que ia acontecer tudo isso. Fiquei desesperada ao saber da inflamação. Quando cheguei no pronto-socorro a maior preocupação dos médicos era que eu entrasse em sepse (inflamação generalizada)”, explicou a modelo.

Fonte: IG Mulher

#infocoweb_cabecalho {
display: inline-block;
margin-top: -75px;
position: absolute;
right: 0;
}

#infocoweb_corpo div {
margin-bottom: 10px;
text-align: justify;
}O post “Que minha dor sirva de alerta”, diz Tati Minerato após infecção por plástica apareceu primeiro em O Atual.