DESTAQUE

Câmara de Várzea Grande lança edital de concurso com salários de R$ 4,8 mil

Publicado em

Foi publicado, nesta quarta-feira (28), o edital do concurso público nº 01/2022 da Câmara Municipal de Várzea Grande. Os saláriios podem chegar a mais de R$ 4,6 mil. A banca examinadora será o Instituto Nacional de Seleção e Concursos (Selecon).

As inscrições podem ser feitas no site oficial da banca organizadora (www.selecon.org.br) do dia (06) até as 23h59min do dia 05 de dezembro. A taxa de inscrição é de R$ 92 para nível médio, e R$ 120 para nível superior. As provas serão aplicadas no dia 22 de janeiro, em Várzea Grande, além de municípios vizinhos se for necessário.

O concurso para nível médio será composto de provas objetivas com 70 questões. Já os candidatos de nível superior, terão provas objetivas com 70 questões e prova de títulos.

Os futuros servidores terão a remuneração de R$2.083,06 (nível médio) e R$4.6894,27 (nível superior), sendo que a carga horária é de 30 horas semanais para todos os cargos.

Para nível médio, há 13 vagas e cadastro reserva: técnico administrativo (9 ampla concorrência e 1 Pessoa com Deficiência), técnico em informática (1), fotógrafo (1) e arquivista (1).

Leia Também:  PF prende em flagrante homem com grande quantidade de armas e drogas

Para nível superior, são três vagas: contador (1), advogado (1) e engenheiro civil (1).

 

Com inf de MJ

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

DESTAQUE

Deputados votam PEC dos aposentados (30) e já esperam judicialização

Published

on

By

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC dos Aposentados) 07/2022 que retira a contribuição de 14% dos aposentados e pensionistas do Estado será votada nesta quarta-feira (30), porém, a aprovação não garante a efetividade da alteração, uma vez que é previsto pelos deputados estaduais a judicialização da proposta.

 

Em reunião com sua base durante almoço nesta terça-feira (29), o governador Mauro Mendes (União) informou que não encaminhará uma proposta alternativa, como havia sido prometido anteriormente, e pediu para que a base não aprove a PEC, que, de acordo com ele, trará grande impacto aos cofres públicos. No começo do mês, o presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (União), deu um prazo para que o Executivo apresentasse um projeto e a Casa Civil se comprometeu em buscar uma alternativa, o que já foi descartado.

 

“É certo que o governo vá judicializar”, disse Botelho. Dilmar Dal Bosco (União), líder do governo na Assembleia, afirmou que a ‘PEC dos Aposentados’, é inconstitucional. Segundo ele, a mudança na alíquota dos servidores não pode partir do Legislativo. Além disso, a peça apresentada não traz estudos de impacto financeiro. O líder está incumbido de convencer os colegas a rejeitarem a proposta.

Leia Também:  PF prende em flagrante homem com grande quantidade de armas e drogas

 

Paulo Araújo (PP) diz que a votação será mais uma forma dos deputados marcarem posicionamento. “Vai ser aprovado, mas foi mostrado que tem vício de iniciativa, então vai ser juducializado”, disse. Segundo Carlos Avallone (PSDB), o governador afirmou que financeiramente não é possível conceder o desconto. “O governador está ciente de que terá desgaste, mas nos disse que a queda na arrecadação do ICMS do Estado, sofreu com as alterações aprovadas no Congresso Nacional”, disse o tucano.

 

Allan Kardec (PSB), por sua vez, acredita que a mudança na Constituição tem uma forma maior e que o governo não deve judicializar. De acordo com ele, o próprio Judiciário se mostra sensível ao projeto. “A PEC é um instrumento Legislativo de peso, nós estamos fazendo uma alteração na Constituição. Então, vai ter muito argumento, principalmente com relação a um tema tão sensível que é a Reforma da Previdência. Até lá no Judiciário, caso aprovemos a PEC, teria dificuldade de uma Ação Direta Inconstitucionalidade desse processo”, diz.

Leia Também:  Governo aprova mais 14 agrotóxicos e chega a 166 no ano; 47% têm grau elevado de toxicidade

 

Com Janaiara Soares/GD

COMENTE ABAIXO:
Continuar lendo

GRANDE CUIABÁ

MATO GROSSO

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA