Esportes

Com 3 gols de Lewandowski, Bayern massacra o Salzburg na Liga dos Campeões

Publicado em

Com 3 gols de Lewandowski, Bayern massacra o Salzburg na Liga dos Campeões

O Bayern de Munique garantiu vaga nas quartas de final da Liga dos Campeões, nesta terça-feira, ao golear o Salzburg, da Áustria, por 7 a 1, na Allianz Arena, em Munique. O atacante polonês Robert Lewandowski foi o destaque da partida, com três gols. Ele é o artilheiro da competição com 12.


A expectativa em Munique era de um jogo equilibrado e repleto de emoções como havia sido na partida de ida na Áustria, quando os times ficaram no empate por 1 a 1. O começo ratificou tudo isso e com dois minutos a partida já somava três belas oportunidades de gol.

Lewandowski, que sequer finalizou a gol no primeiro duelo, quase abriu o placar com um minuto de jogo, mostrando que estava com forme de gols. O Salzburg não se intimidou e devolveu o ataque alemão com Capaldo e Kristensen.

O duelo continuou bastante disputado, mas aos 12 minutos, Wober derrubou Lewandowski dentro da área. O artilheiro bateu com categoria e abriu o placar.

O Salzburg achou que poderia equilibrar a disputa e partiu para o ataque. Até exigiu bom desempenho do veterano goleiro Neuer, que voltou de contusão, mas o time austríaco apresentou mais uma vez sua fragilidade defensiva.

Leia Também:  Memphis Grizzlies busca mais uma virada sobre Timberwolves e enfrentará Warriors

Wober voltou a derrubar Lewandowski. O VAR dedou que foi dentro da área e o polonês mais uma vez cobrou o pênalti com maestria: 2 a 0, aos 21 minutos.

Dois minutos depois, agora com a bola rolando, Lewandowski fez o terceiro dele na partida, o 12º nesta edição da Liga dos campeões e o 85º em toda a sua história na principal competição de clubes da Europa. Lançado, o centroavante disputou com o goleiro, viu a bola bater na trave e só empurrou para dentro.

Destroçado, o Salzburg perdeu todas as suas forças e ainda viu Gnabry aproveitar uma saída errada de bola para fazer o quarto gol do Bayern, aos 31 minutos.

O segundo tempo serviu de treino para o Bayern, pois o Salzburg apenas torcia para o tempo passar rápido. Com isso, após boa troca de passes, Thomas Müller girou bonito para fazer o quinto gol da partida, aos nove minutos.

A partir daí, o Bayern adiantou sua equipe até a metade de campo e passou a abusar da troca de passes. A atitude do time alemão pareceu irritar os austríacos, que forçaram a marcação, mostraram dignidade e conseguiram o gol de honra aos 25 minutos, com Kjaergaard. A forte finalização acertou o ângulo direito de Neuer, que nem se mexeu.

Leia Também:  Já era? Leclerc afirma em entrevista que briga na F1 é pelo vice

A tentativa de forçar a marcação cansou o Salzburg, com isso havia tempo para mais gols do Bayern. Aos 38, após mais uma troca de passes, Thomas Müller fez o sexto. Aos 40, com direito a toque de calcanhar de Lewandowski, Sane fechou: 7 a 1.

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Esportes

Brasil tem bom início no Mundial de Bocha Paralímpica

Published

on

Começou nesta terça-feira (6) o Campeonato Mundial de bocha paralímpica. E o Brasil teve uma boa participação na principal competição da modalidade do ciclo Paris 2024, que reúne mais de 170 atletas de 40 países e que é realizada no Parque Olímpico da Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro.

O destaque da seleção brasileira foi Evelyn Oliveira, que, na classe BC3 (para atletas com deficiências severas e que podem usar o instrumento auxiliar calha e ter auxílio de outra pessoa), superou a sul-africana Elanza Jordaan por 18 a 0.

“Fiquei muito feliz de ter iniciado o Mundial após uma jornada tão longa. Não tem nada mais gratificante do que ter uma estreia como essa, com uma vitória consistente, com tranquilidade nas quatro parciais. Estou feliz com o resultado e espero manter o desempenho no restante do campeonato”, declarou a paulista à assessoria de imprensa do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB).

Os dois medalhistas de bronze nos Jogos de 2020 (Tóquio) José Carlos Chagas e Maciel Santos também estrearam no Mundial com placares elásticos.

Leia Também:  Em “replay”, Barcelona enfrenta Bayern por sobrevivência na Champions

José Carlos bateu o japonês Takumi Nakamura por 11 a 1 na classe BC1 (para atletas que podem jogar com as mãos ou com os pés e que contam com a opção de um auxiliar). Já o cearense Maciel estreou em sua sétima participação em mundiais vencendo o sul-coreano Minkyu Kwak por 8 a 1 pela classe BC2 (para atletas que não recebem assistência). Ainda pelo masculino, mas pela classe BC3, o mineiro Mateus Carvalho venceu o egípcio Abdelrahman Saad por 9 a 0.

Já no feminino as pernambucanas Andreza Vitória e Evani Calado derrotaram, respectivamente, Yushae Andrade, de Bermudas, por 5 a 2 pela BC1, e a japonesa Keiko Tanaka, por 4 a 2 pela BC3. Pela classe BC4 (para atletas com deficiências severas, mas que não recebem assistência), a paulista Josi Silva bateu a chilena Norma Concha por 8 a 0.

O único empate brasileiro do dia veio com Eliseu dos Santos, que ficou no 2 a 2 com o tailandês Ritthikrai Somsanuk na classe BC4. O paranaense também perdeu de 8 a 1 para o israelense Gershon Haimov por 8 a 1.

Outras derrotas do Brasil nesta terça vieram com a pernambucana Letícia Karoline, de 3 a 2 para a argentina Ailen Flores na classe BC1, e com o paulista Antônio Leme, de 7 a 1 para o atleta de Hong Kong Tak Wah Tse na classe BC3.

Leia Também:  F1: Alfa Romeo comemora resultados dos treinos livres no Japão

O Mundial de bocha será disputado até a próxima terça-feira (13). O evento é transmitido, ao vivo, pelo canal da Associação Nacional de Desportos para Deficientes (Ande) no YouTube.

Fonte: EBC Esportes

COMENTE ABAIXO:
Continuar lendo

GRANDE CUIABÁ

MATO GROSSO

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA