POLÍCIA

Operação Balada Livre combate tráfico de drogas em Ponta Porã/MS e Porto Alegre/RS

Publicado em

E6C908C6-1511-4CE2-A490-B8A3E899F400.jpeg

Ponta Porã/MS – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (10/3) a Operação Balada Livre, com a finalidade de desarticular organização criminosa responsável por adquirir drogas na região de fronteira em Ponta Porã/MS e distribuir nas baladas da região de Porto Alegre/RS.  

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão e de prisão temporária na região de Porto Alegre/RS. 

A operação teve início em setembro de 2021, com a prisão em flagrante de uma das mulas utilizadas pelo líder da organização criminosa que atua como DJ (disc jockey) em festas na região de Porto Alegre/RS. As investigações demonstraram que o suspeito recrutava jovens para realizar as viagens e transportar as drogas da fronteira até Porto Alegre/RS, onde eram comercializadas nas festas.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Ponta Porã

Comunicação Social SR/PF/MS

https://www.gov.br/pf

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  PF deflagra Operação Vinha para investigar esquema de descaminho de bebidas alcóolicas
Advertisement
Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

POLÍCIA

Dois policiais civis de MT se formam na 2ª edição do Curso de Segurança e Proteção de Autoridades

Published

on

Dois policiais civis de Mato Grosso participaram da 2ª edição do Curso de Segurança e Proteção de Autoridades, promovido pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), por meio da Diretoria da Força Nacional de Segurança Pública. 

A  formatura foi realizada na segunda-feira (05.12), no Batalhão Escola de Pronto Emprego (BEPE), em Brasília, e contou com a presença do delegado-geral de Mato Grosso, Mário Dermeval. 

Ao todo, 26 alunos concluíram a capacitação, realizada de 08 de novembro a 02 de dezembro. De Mato Grosso participaram a delegada de Pontes e Lacerda, Lícia Juliane Paiva, e o investigador da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Informáticos (DRCI), Valmir Castrillon.

O curso tem como objetivo o preparo técnico no desenvolvimento das atividades de segurança e proteção de autoridades, visando preservar a integridade do dignatário. Na qualificação, os alunos adquiriram conhecimentos necessários para desenvolver de forma eficaz as atividades de segurança e proteção de autoridades, buscando evitar falhas e desgaste, tanto para a autoridade quanto para a instituição que exerce o trabalho de segurança.

Leia Também:  PF deflagra Operação Antítese contra tráfico de drogas e crimes contra administração pública

Os servidores receberam instruções e treinamentos sobre as medidas a serem observadas e executadas, com o intuito de preservar  a integridade física, psíquica e moral da autoridade que ocupa cargo ou função de destaque, razão pela qual é exposta a riscos elevados. 

As disciplinas foram fundamentos legais e princípios do so serviço de segurança e proteção de autoridades; planejamento estratégico; direção veicular defensiva evasiva e ofensiva; técnicas e táticas de segurança; técnicas de varredura e noções de explosivos; tiro aplicado à segurança de autoridades; defesa pessoal aplicada à atividade; técnicas de combate a incêndio e segurança em operações aéreas; entre outros temas voltados para inteligência; atendimento pré-hospitalar; técnicas de salvamento aquático e natação utilitária. 
 
A 2ª edição do Curso de Segurança e Proteção de Autoridades finalizou o ciclo de capacitações de 2022, realizado pela Força Nacional de Segurança Pública.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continuar lendo

GRANDE CUIABÁ

MATO GROSSO

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA