SAÚDE

O grito de alerta dos oftalmologistas sobre ‘ladrão silencioso da visão’

Publicado em

O grito de alerta dos oftalmologistas sobre 'ladrão silencioso da visão'

“O glaucoma pode se desenvolver em um ou em ambos os olhos. Inicialmente, o glaucoma não apresenta qualquer sintoma, não provoca dores e a visão não sofre alterações. Mas, à medida que o glaucoma avança sem tratamento, os doentes perdem de forma gradual e irreversível os seus campos visuais”, alerta o especialista Pedro Faria, coordenador do Grupo Português do Glaucoma da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia (SPO) e médico oftalmologista no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, em Portugal.


A visão periférica vai-se perdendo e os doentes sentem que começam a ver através de um ‘túnel’. “Com o passar do tempo, essa visão central também pode diminuir, até ser atingida a cegueira total”, avisa.

O tratamento permitirá “atrasar ou idealmente impedir a progressão desta doença”, acrescenta, sublinhando que “o diagnóstico preoce é fundamental, mas também um acompanhamento regular, medindo a pressão intraocular e realizando exames (OCT e campos visuais) para confirmar que a doença se mantém estável”.

Os médicos oftalmologistas chamam a esta patologia ‘o ladrão silencioso da visão’, devido às suas características assintomáticas durante a maioria do seu curso. Estima-se que mais de 50% das pessoas que sofrem de glaucoma não saibam que têm esta doença, aponta a SPO em comunicado, a propósito da Semana Mundial do Glaucoma, promovida pela Associação Mundial do Glaucoma  entre os dias 6 e 12 de março.

Leia Também:  Covid-19: Brasil tem 27.086 casos de covid-19 e 105 mortes em 24 horas

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, o glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível nos países desenvolvidos. Qualquer indivíduo, sobretudo a partir dos 40 anos ou com antecedentes familiares, pode desenvolver glaucoma.

São também fatores de risco a alta miopia e doentes medicados com corticoides. Neste sentido, a consulta regular com um médico oftalmologista para efetuar uma avaliação ocular aprofundada, medir a pressão ocular e medir o estado do nervo ótico é um comportamento essencial no que toca à prevenção.

Leia Também: Eis uma das principais causas de cegueira em Portugal

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

SAÚDE

China deixa política do ‘covid zero’, mas baixa vacinação preocupa

Published

on

China passa por uma queda nas vacinações de pessoas com 80 anos ou mais
Tânia Rêgo/Agência Brasil

China passa por uma queda nas vacinações de pessoas com 80 anos ou mais

China está largando as rígidas políticas impostas pelo “covid zero”. A decisão está fazendo o país passar por uma  queda na  vacinação entre os  idosos , e vem preocupando especialistas que estimam que o vírus deve matar cerca de 2,1 milhões de pessoas. O levantamento foi feito pela empresa britânica de testes médicos Airfinity.

Segundo as pesquisas, os chineses com mais de 80 anos não estão completamente imunizados, além da baixa vacinação da população geral, que chega a 10%.


Na última quarta-feira (07), as autoridades da saúde anunciaram um relaxamento nas restrições. Os especialistas acreditam que o país poderá enfrentar um aumento descontrolado de infecções, além de acrescentarem que acreditam que o sistema de saúde não está preparado para isso.

Leia Também:  Brasil reforça ações de biossegurança para prevenir gripe aviária

O grupo de risco dos idosos ainda são muito relutantes quanto a  vacinação , o que tem dificultado o avanço da imunização no país.

Durante os quase três anos de pandemia, o país manteve uma rígida política de saúde e contenção do vírus. Em Pequim, por exemplo, bairros e até cidades foram inteiramente confinadas, e a população era obrigada a fazer testes diários.

Entretanto, a  vacinação  não foi posta como obrigatoriedade pelo governo. Ao invés disso, ofereciam recompensas às pessoas que se imunizassem, como vales ou refeições gratuitas.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.


Fonte: IG SAÚDE

COMENTE ABAIXO:
Continuar lendo

GRANDE CUIABÁ

MATO GROSSO

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA